Página Inicial Imprensa Noticias Programa Água Doce é destaque na Semana da Água da Unifor

Programa Água Doce é destaque na Semana da Água da Unifor

Avalie este item
(1 Votar)

 

O Programa Água Doce (PAD) foi tema de debate na manhã desta quarta-feira, na Universidade de Fortaleza. Coube à supervisora do Núcleo de Águas Subterrâneas da Secretaria dos Recursos Hídricos do Ceará (SRH), Liduina Carvalho Costa, apresentar o PAD a uma plateia atenta, formada principalmente por professores, servidores e estudantes da Unifor. O evento integrou a grade de programação da II Semana da Água da Unifor, que este ano abordou o tema Águas Residuárias.

Com a semana da água, a universidade objetiva proporcionar a inserção e ampliação do conhecimento hídrico na comunidade acadêmica e público em geral, por meio da abordagem da situação hídrica regional e nacional. Os debates também buscaram promover maior proximidade e interação de pesquisadores, universitários e instituições municipais, estaduais e federais que atuam na área de recursos hídricos. 

O ÁGUA DOCE - O Programa Água Doce (PAD) é uma ação do Governo Federal, coordenada pelo Ministério do Meio Ambiente em parceria com diversas instituições federais, estaduais, municipais e sociedade civil que visa a estabelecer uma política pública permanente de acesso à água de qualidade para o consumo humano, incorporando cuidados técnicos, ambientais e sociais na implantação, recuperação e gestão de sistemas de dessalinização de águas salobras e salinas. No Ceará, o PAD é desenvolvido em parceria com a Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH).

A partir de 2011, o Programa Água Doce assumiu a meta de aplicar sua metodologia na recuperação, implantação e gestão de 1.200 sistemas de dessalinização até 2018, com investimentos de cerca de R$ 255 milhões beneficiando, aproximadamente, 500 mil pessoas em todo o Semiárido. Para o atingimento desta meta foram firmados 10 convênios com os estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Sergipe e Rio Grande do Norte.

Ler 170 vezes Última modificação em Quinta, 23 Março 2017 15:44