SRH participa da assinatura de compromisso com associações de catadores

11 de julho de 2019 - 13:45

Associações de Catadores e Instituições da Administração Pública do Estado assinaram nesta quinta-feira, 11, um termo de compromisso no âmbito da Coleta Seletiva Solidária. A Secretaria dos Recursos Hídricos participou da assinatura.

Firmaram o termo de compromisso com as organizações de catadores habilitadas, as seguintes instituições: Secretaria do Esporte e Juventude (Sejuv); Casa Civil; Secretaria de Segurança Pública e Defesa Pessoal (SSPDS); Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Ceará (Sedet); Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH); Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece); Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA); Secretaria da Educação (Seduc); TV Ceará; Polícia Civil e a Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos humanos (SPS).

Foto: Tiago Style

Para o secretário executivo da SRH, Dedé Teixeira, a iniciativa do Governo do Ceará, através da Secretaria do Meio Ambiente é de grande importância, visto que é dada visibilidade para quem geralmente não é visto. “O Ceará busca sempre avançar, seja com inovações ou com projetos simples mas que refletem na economia daqueles que precisam, e esse projeto é isso, é transformar o que para muitos é apenas lixo em economia. São milhares de catadores que agora terão um fluxo maior de resíduos para o trabalho”, comemorou.

Foto: Tiago Style

Participam do processo de compromisso com o Estado as seguintes associações: Associação dos Agentes Ambientais Rosa Virgínia; Associação de Catadores e Recicladores (ACRQ) de Quixadá; Associação dos Catadores de Resíduos Recicláveis de Morada Nova; Associação de Catadores e Catadoras de Materiais Recicláveis de Russas; Associação Viva a Vida; Associação de Catadores de Materiais Recicláveis do Serviluz (Brisamar); Sociedade Comunitária de Reciclagem de Lixo do Pirambu (Socrelp); Associação de Catadores(as) de Materiais Recicláveis Raio de Sol e a Associação dos(as) Catadores(as) do Jangurussu (Ascajan).

Coleta Seletiva Solidária

A Coleta Seletiva Solidária foi instituída pelo Decreto Estadual 32.981, de 21 de fevereiro de 2019. Visa à criação de processos que contribuam para o correto descarte de resíduos sólidos, bem como contribuir para a implantação da coleta seletiva nos diversos órgãos da administração estadual, além de promover a inclusão social e renda para os catadores de materiais recicláveis, associados e ou cooperados.